Em Itacoatiara, Integrantes de grupo criminoso são presos por tortura e estupro contra adolescente de 13 anos

Amazonas

A possível motivação do fato criminoso teria sido uma suposta desconfiança dos infratores contra a adolescente

Manaus (AM) —  Seis pessoas foram presas e um adolescente apreendido, na manhã desta terça-feira (10), pela Polícia Civil do Amazonas (PC-AM), por meio da Delegacia Especializada de Polícia (DIP) e Delegacia Interativa de Polícia (DIP) de Itacoatiara, durante a realização da Operação. Os presos foram os responsáveis por manter em cativeiro e torturar uma adolescente de 13 anos no município, no mês passado. 

Os presos foram identificados como Adriano Gil dos Santos (21), Elijonison da Mota Torres (30), Ícaro da Silva Guedes (18), Jadison do Nascimento Vieira (28), José Renato do Nascimento Nogueira (31) e Marlissa Monteiro Lobão (18).

De acordo o titular da Delegacia Especializada de Polícia (DEP) de Itacoatiara, Paulo Barros, a vítima foi abordada por Ícaro, que a obrigou a entrar no carro com ele, sob ameaça de morte. A adolescente foi vítima do “tribunal do crime”, onde foi torturada e estuprada.
“A mãe da vítima chegou a denunciar o desaparecimento dela e, imediatamente, iniciamos as diligências para localizá-la. Na ocasião, ela foi encontrada e resgatada pela equipe da DEP, os autores fugiram e conseguimos de uma mulher chamada Jéssica Siqueira da Silva”, disse o delegado.

O delegado informou que a motivação do crime teria sido uma suposta desconfiança dos infratores perante à adolescente, que acreditavam que ela repassava informações a um grupo criminoso rival ao deles.

Adriano, Elijonison, Ícaro, Jadilson, José e Marlissa responderão por cárcere privado, tortura, estupro de vulnerável e associação criminosa. Eles ficarão à disposição da Justiça.
O adolescente responderá por ato infracional análogo aos mesmos crimes e ficará à disposição do Juizado Infracional.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *