Ministro de Lula substitui temporariamente número 2 da Pasta após viagem de servidores para ‘Carnaval’

Política

Brasil (BR)- O ministro-chefe da Secretaria-Geral da Presidência da República, Márcio Macêdo (PT), nomeou nessa terça-feira, 16, a nova secretária-executiva da Pasta. Kelli Cristine de Oliveira Mafort assume o posto deixado por Maria Fernanda Ramos Coelho, que pediu exoneração na semana passada.

A mudança ocorre em meio a uma crise na Secretaria-Geral. Conforme mostrou o Estadão, a Pasta de Márcio Macêdo usou dinheiro público para custear a viagem de três servidores para Aracaju, onde foi realizada uma festa de carnaval fora de época, no fim do ano passado. Um deles foi um fotógrafo oficial da Presidência da República encarregado de registrar o passo a passo de Macêdo durante a festa. A folia não foi registrada na agenda pública do ministro.

O custeio dessas passagens e diárias para uma agenda privada de Macêdo, de acordo com o jornal O Globo, teria motivado o pedido de exoneração de Maria Fernanda Coelho. O Tribunal de Contas da União (TCU) abriu um processo para apurar o uso indevido de dinheiro público. O ministro admitiu um “erro formal” na emissão das passagens, e os servidores que tiveram a viagem custeada irão devolver os valores aos cofres públicos.

Kelli Mafort, a nova secretária-executiva, foi liderança nacional do Movimento dos Trabalhadores Rurais sem Terra (MST). Em 2016 ela participou de uma invasão do movimento em uma fazenda no interior de São Paulo do empresário João Baptista Lima Filho, sócio da Argeplan e amigo do ex-presidente Michel Temer (MDB). O caso foi parar na Justiça, uma vez que as lideranças do MST foram acusadas de furtar bens que estavam na fazenda. No entanto, o processo foi arquivado em janeiro de 2022.

A nova número 2 de Márcio Macêdo também é graduada em pedagogia e doutora em ciências sociais pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (Unesp). Desde janeiro de 2023 estava como secretária Nacional de Diálogos Sociais e Articulação de Políticas Públicas da Secretaria-Geral da Presidência da República.

“Ainda temos muitos outros desafios a enfrentar, mas com a certeza de que a participação social é o melhor caminho para a efetivação das políticas públicas na ponta”, escreveu a nova secretária-executiva, em uma rede social, ao agradecer Macêdo pela sua nomeação.

Para Macêdo experiência política de Mafort na relação com os movimentos sociais e populares é fundamental para o cumprimento da missão da Secretaria-Geral da Presidência da República.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *