Kayapós dizem ter detido nove garimpeiros em terra indígena no PA

Os garimpeiros estariam tentando reativar um garimpo conhecido como Pista Nova, que fica dentro da terra indígena.

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

PARÁ - O Ministério Público Federal (MPF) informou que há risco de conflitos entre indígenas, os que dão apoio aos garimpeiros e os que são contra a exploração ilegal. Lideranças do povo Kayapó afirmam que um grupo de garimpeiros estão detidos na aldeia, na tentativa de desativar um garimpo ilegal dentro da Terra Indígena Baú, no sudoeste do Pará.

Em comunicado neste sábado (21/5), uma liderança indígena afirmou que há nove garimpeiros detidos e que "derramamento de sangue pode acontecer a qualquer momento".

De acordo com informações, organizações indígenas exigem a presença da Polícia Federal para retirar os invasores.

Os garimpeiros estariam tentando reativar um garimpo conhecido como Pista Nova, que fica dentro da terra indígena.

"O grupo ainda pretendia chegar até um segundo garimpo na região, conhecido Pista Velha, onde indígenas que estariam dando apoio aos invasores instalaram uma aldeia", comunicou.

Segundo sites de notícias, a MPF pretende mandar agentes da PF que trabalham na operação "Guardiões do Bioma", conduzida pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública para realizar operações em reservas.