ANUNCIE AQUI!

Apenas Brasil, Butão e Bangladesh usam urnas que não imprimem o voto

Além do voto auditável, maioria dos países que usam sistema eletrônico têm urnas de segunda geração, mais avançadas

Por Redação Portal Sargento Adiel em 10/06/2021 às 15:40:48

Foto divulgação

BRASIL - Além do Brasil, apenas Bangladesh e But√£o adotam a vota√ß√£o por urna eletrônica sem o comprovante impresso em elei√ß√Ķes nacionais. A informa√ß√£o foi publicada em levantamento divulgado pela Folha de S.Paulo. De acordo com a publica√ß√£o, o sistema eletrônico foi abandonado pela Nam√≠bia no ano passado, após questionamentos na Justi√ßa, e o pa√≠s retornou para as cédulas em papel. Na R√ļssia, as urnas eletrônicas sem comprovante impresso foram usadas por apenas 9% do eleitorado na √ļltima elei√ß√£o presidencial, em 2018.


Ainda de acordo com o levantamento, a maioria dos pa√≠ses que utilizam o sistema eletrônico adota as urnas da chamada segunda gera√ß√£o, que imprimem comprovantes em papel. No Brasil, as m√°quinas s√£o mais antigas, da primeira gera√ß√£o.


Neste momento, o Congresso trata de uma Proposta de Emenda à Constitui√ß√£o (PEC) sobre o voto audit√°vel. O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Lu√≠s Roberto Barroso, j√° afirmou publicamente que é contra a proposta, indicando que n√£o haveria tempo h√°bil para a implementa√ß√£o do novo modelo em 2022, além dos gastos elevados para a compra de novas m√°quinas.


Para ser aprovada, a PEC precisa passar por duas vota√ß√Ķes na C√Ęmara e mais duas no Senado e contar com o apoio de pelo menos tr√™s quintos dos parlamentares nas duas Casas.

Comunicar erro
ENTRE NO NOSSO GRUPO DE WHATSAPP

Coment√°rios

ANUNCIE AQUI!