Novidade: usuários do transporte coletivo podem recarregar cartão PassaFacil via PIX

Para fazer a recarga, é preciso informar o número do cartão e escolher o valor. Em seguida, será gerado um código para pagamento, via PIX, no banco de preferência do usuário.

Foto: Reprodução

Foto: Reprodução

MANAUS - Nesta quarta-feira (19), a Prefeitura de Manaus lançou oficialmente o pagamento, via PIX, para os passageiros do transporte coletivo que utilizam o cartão PassaFacil (Cartão Cidadão, Vale-Transporte e Estudantil). Para utilizar a facilidade, basta enviar mensagem pelo WhatsApp (92) 2123-0701.

Para fazer a recarga, é preciso informar o número do cartão e escolher o valor. Em seguida, será gerado um código para pagamento, via PIX, no banco de preferência do usuário. Após 30 minutos, basta passar o cartão no validador do ônibus, terminais de integração ou estações de transferência para os créditos serem atualizados. Além da compra de recarga, o usuário também pode realizar a consulta de saldo pelo canal do WhatsApp.

"A recarga, via PIX, é mais uma facilidade disponível, garantindo mais comodidade para os passageiros do transporte coletivo. É um modelo eficiente, seguro e moderno, considerando que a transferência, via PIX, já se consolidou entre a população. Agora é possível comprar crédito de qualquer lugar – para os cartões Cidadão, Vale-Transporte e Estudantil – sem a necessidade de manusear dinheiro em espécie", destacou o diretor-presidente do Sindicato das Empresas de Transportes de Passageiros do Estado do Amazonas (Sinetram), César Tadeu Teixeira.

O diretor-presidente do Instituto Municipal de Mobilidade Urbana (MMU), Paulo Henrique Martins, salienta que o pagamento, por meio de PIX, é mais um passo para oferecer comodidade e segurança. "O usuário não precisará sair de casa para creditar seu cartão. A tendência é que todos os pagamentos dos nossos serviços tenham atendimento por meio de PIX, para agilizar os serviços", disse.

Para mais informações, os usuários do transporte coletivo podem entrar em contato pelo telefone (92) 2123-0700 ou WhatsApp (92) 98444-4412 direto no Sinetram, de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h.